Mestrado & Doutorado do Instituto Superior de Ciencias Sociais e Políticas/Universidade de Lisboa (ISCSP/ULisboa)


Mestrado em Gestão e Políticas Públicas

1. O Curso

O Mestrado em Gestão e Politicas Públicas (MGPP) proporciona aos estudantes uma sólida formação na área, numa perspetiva multidisciplinar, incluindo as áreas da governança pública, políticas públicas e gestão pública, entre outras. Por um lado, o curso fornece uma formação avançada em gestão e desenvolve as competências necessárias ao exercício de funções qualificadas em organizações do setor público, institutos, fundações e associações, em organizações da sociedade civil, em empresas e em organizações internacionais multilaterais. Por outro lado, o este mestrado habilita os discentes para o domínio da Ciência da Administração e Políticas Públicas.

Três razões para escolher o MGPP

  • Tradição de ensino, projetos e pesquisas em Administração Pública: o Instituto Superior de Ciência Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa é mais antiga escola de Portugal dedicada a esta área de estudos. O curso de Administração Pública da Universidade Federal do Cariri é considerado pelos órgãos de avaliação como o melhor do nordeste e o décimo melhor do Brasil (Conceito Enade/Ministério da Educação);
  • Corpo docente especializado e altamente qualificado: Além da excelência do corpo docente do ISCSP/ULisboa, os professores da UFCA participarão nas disciplinas ministradas no Brasil, no acompanhamento das avaliações e na co-orientação das dissertações;
  • Curso internacionalizado com integração Brasil-Portugal: A oportunidade de se integrar no ambiente acadêmico de uma instituição de ensino da União Européia e ter parte dos estudos no Brasil.

2. Objetivos

  • Aprofundar competências sobre o fenômeno da Gestão Pública e das Políticas Públicas e das suas múltiplas facetas e manifestações;
  • Orientar o estudante para percursos de especialização com vista ao domínio dos quadros teóricos e práticos necessárias à aplicação de conhecimentos em domínios específicos da Administração Pública em geral e da Gestão em Contexto Público e das Políticas Públicas, com elevados níveis de qualidade e de exigência profissional;
  • Reforçar as valências de investigação com perspetivas teóricas, analíticas e metodológicas avançadas como suporte à realização de projetos de investigação;
  • Preparação para estudos avançados (doutorado), reforçando a consolidação curricular para o percurso.

3. Público-alvo

Graduados no ensino superior com formação em áreas diversas e trajetória profissional que ateste experiencia na área ou participação efetiva na vida cívica, associativa e na esfera pública.

4. Plano de Disciplinas

O curso é realizado em 02 anos com as disciplinas distribuídas assim: 

 

1.º Ano

1.º Semestre 2.º Semestre
Desenho e Implementação de Políticas Públicas Gestão de Projetos
Gestão Estratégica e Políticas Públicas Gestão de RH na Administração Pública
Gestão Financeira e Fiscalidade Avaliação de Políticas Públicas
Metodologia de Investigação na Administração Pública Reformas Administrativas e Políticas Públicas
Temas Avançados em Gestão Pública Seminário – Projeto de Investigação
Instituições e Políticas de Regulação TIC e Governação Eletrónica
2.º Ano
3.º Semestre 4.º Semestre
Controlo da Gestão Pública Apresentação da Dissertação/Trabalho de Projeto
Liderança e Inovação no Setor Público
Disciplina Opcional

Veja os programas das disciplinas com seus conteúdos.

5. Requisitos para candidatura

Para se candidatar as 15 vagas do MGPP, o postulante deve possuir as condições mínimas exigidas pelo ISCSP, pagar a taxa de candidatura e enviar todos os documentos listados abaixo, até 16 de setembro de 2019, para o email liegs.ccsa@ufca.edu.br.

  1. Formulário de candidatura (Obs: Não preencher os campos Candidatura Nº e Aluno/a Nº). Assine o formulário e o envie digitalizado;
  2. Certificado/diploma (frente e verso) de conclusão de graduação em nível de bacharelado, licenciatura ou tecnológico;
  3. Curriculum Vitae que destaque o percurso académico de graduação e, se for o caso, de pós-graduação; a relevância da trajetória profissional com as mais importantes experiências, cargos e atividades; e a atividade e produção científica na área do curso;
  4. Documentos de identificação (CPF e Passaporte).

Durante a análise documental, entre o final de agosto e começo de setembro de 2019, os candidatos receberão mensagem, no email informado no formulário, sobre como deverão proceder para o pagamento da taxa de candidatura (€ 100,00). Portanto, no formulário, coloque o email que você usa regularmente. Se você não pagar a taxa não cumprirá um dos critérios para apreciação da sua candidatura.

Saiba mais sobre os critérios a serem seguidos na seleção. O resultado da seleção será divulgado até 30 de setembro de 2019, no site do LIEGS/UFCA.

Importante reforçar que a candidatura não garante a aprovação do postulante ao curso. Outrossim, o ISCSP reserva-se o direito de não realização do curso caso o número de candidaturas selecionadas não atinjam o mínimo de estudantes necessário para a formação da turma.

Caso a turma seja formada, o candidato aprovado na seleção fará matrícula no MGPP do ISCSP.

6. Investimento

O investimento total para os 02 anos do curso é de € 10.400,00 (Dez mil e quatrocentos euros), podendo ser divido em 16 parcelas, cujos valores não são iguais. Acresce-se ainda a taxa de matrícula de € 50,00 – (cinqüenta euros) no primeiro ano e de € 25,00 (vinte e cinco euros) no ano subsequente, além do seguro escolar (valor a definir anualmente). Todos estes valores devem ser pagos ao ISCSP.

Para os que optarem pelo pagamento à vista será concedido um desconto que implicará em um ganho de € 1.360,00 (Mil e trezentos e sessenta euros).

Os custos de passagens, seguro viagem, hospedagem e manutenção no local das aulas são de absoluta responsabilidade do estudante. Portanto, não estão inclusos no valor de investimento acima exposto.

7. Reconhecimento do diploma

Atualmente, os diplomas concedidos pelo ISCSP, em função da obtenção de grau de mestre em seus programas, são reconhecidos no Brasil pela Universidade de Brasilia. Para tanto, o estudante deve protocolar seu pedido através da Plataforma Carolina Bori, que é um sistema informatizado criado pelo Ministério da Educação (MEC), para gestão e controle de processos de Revalidação e Reconhecimento de diplomas estrangeiros no Brasil.

O reconhecimento no Brasil de diplomas de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado), expedidos por estabelecimentos estrangeiros de ensino superior é regido pela Portaria Normativa do MEC nº 22, de 13 de dezembro de 2016.

 


Doutorado em Administração Pública

1. O Curso

O Doutorado em Administração Pública (DAP) reflete esta tradição centenária do Instituto Superior de Ciência Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa (ISCSP/ULisboa) no tema e visa desenvolver competências de investigação e de análise crítica que potenciem as capacidades dos doutorandos para a realização de trabalho de investigação independente, assim como a sua aptidão para a reflexão, tomada de decisão e intervenção no plano da governação. Este doutorado tem demonstrado uma elevada e sustentada preparação em nível nacional e internacional, com particular ênfase para o espaço lusófono.

Três razões para escolher o DAP

  • Tradição de ensino, projetos e pesquisas em Administração Pública: o Instituto Superior de Ciência Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa é mais antiga escola de Portugal dedicada a esta área de estudos. O curso de Administração Pública da Universidade Federal do Cariri é considerado pelos órgãos de avaliação como o melhor do nordeste e o décimo melhor do Brasil (Conceito Enade/Ministério da Educação);
  • Corpo docente especializado e altamente qualificado: Além da excelência do corpo docente do ISCSP/ULisboa, os professores da UFCA participarão nas disciplinas ministradas no Brasil, no acompanhamento das avaliações e na co-orientação das dissertações;
  • Curso internacionalizado com integração Brasil-Portugal: A oportunidade de se integrar no ambiente acadêmico de uma instituição de ensino da União Européia e ter parte dos estudos no Brasil.

2. Objetivos

  • Consolidar o conhecimento científico em Ciência da Administração e Políticas Públicas;
  • Prover formação avançada de excelência orientada para a aquisição de conhecimentos que potenciem a eficácia e eficiência na ação pública;
  • Reforçar as capacidades teóricas, analíticas e metodológicas avançadas como suporte ao desempenho de atividades de governança e gestão na função pública;
  • Desenvolver investigação em Administração e Políticas Públicas, mediante a inserção dos doutorandos em projetos do ISCSP, bem como em redes de investigação com instituições congéneres.

3. Público-alvo

Profissionais com mestrado em áreas diversas e trajetória profissional que ateste experiencia na área ou participação efetiva na vida cívica, associativa e na esfera pública.

4. Plano de Disciplinas

O curso é realizado em 03 anos com as disciplinas distribuídas assim:

1.º Ano
1.º Semestre 2.º Semestre
Governação e Gestão de Políticas Públicas Seminário- Projeto de Investigação
Temas Aprofundados de Administração Pública Seminário Temático I
Métodos Avançados de Investigação em Administração e Políticas Públicas Tópicos Avançados de Administração Pública Comparada
2.º Ano
3.º Semestre 4.º Semestre
Tese 2º Ano
3.º Ano
5.º Semestre 6.º Semestre
Tese 3º Ano

Veja os programas das disciplinas com seus conteúdos.

5. Documentos para candidatura

Para se candidatar as 04 vagas do DAP, o postulante deve possuir as condições mínimas exigidas pelo ISCSP, pagar a taxa de candidatura e enviar todos os documentos listados abaixo, até 15 de agosto de 2019, para o email liegs.ccsa@ufca.edu.br.

  1. Formulário de candidatura (Obs: Não preencher os campos Candidatura Nº e Aluno/a Nº). Assine o formulário e o envie digitalizado;
  2. Certificado/diploma (frente e verso) de conclusão de mestrado acadêmico ou profissional;
  3. Curriculum Vitae que destaque o percurso académico de graduação, mestrado e, se for o caso, de outras pós-graduações; a relevância da trajetória profissional com as mais importantes experiências, cargos e atividades; e a atividade e produção científica na área do curso;
  4. Documento de identificação (CPF e Passaporte).

Durante a análise documental, entre o final de agosto e começo de setembro de 2019, os candidatos receberão mensagem, no email informado no formulário, sobre como deverão proceder para o pagamento da taxa de candidatura (€ 100,00). Portanto, no formulário, coloque o email que você usa regularmente. Se você não pagar a taxa não cumprirá um dos critérios para apreciação da sua candidatura.

Saiba mais sobre os critérios a serem seguidos na seleção. O resultado da seleção será divulgado até 30 de setembro de 2019, no site do LIEGS/UFCA.

Importante reforçar que a candidatura não garante a aprovação do postulante ao curso. Outrossim, o ISCSP reserva-se o direito de não realização do curso caso o número de candidaturas selecionadas não atinjam o mínimo de estudantes necessário para a formação da turma.

Caso a turma seja formada, o candidato aprovado na seleção fará matrícula no DAP do ISCSP.

6. Investimento

O investimento total para os 03 anos do curso é de € 14.900,00 (Quatorze mil e novecentos euros), podendo ser divido em 20 parcelas, cujos valores não são iguais. Acresce-se ainda a taxa de matrícula de € 50,00 – (cinqüenta euros) no primeiro ano e de € 25,00 (vinte e cinco euros) nos anos subsequentes, além do seguro escolar (valor a definir anualmente). Todos estes valores devem ser pagos ao ISCSP.

Para os que optarem pelo pagamento à vista será concedido um desconto que implicará em um ganho de aproximadamente € 1.680,00 (Mil e seiscentos e oitenta euros).

Reforça-se que os custos de passagens, seguro viagem, hospedagem e manutenção são de absoluta responsabilidade do estudante. Portanto, não estão inclusos no valor de investimento no curso, acima exposto.

7. Reconhecimento do diploma

Atualmente, os diplomas concedidos pelo ISCSP, em função da obtenção de grau de doutor em seus programas, são reconhecidos no Brasil pela Universidade de Brasilia. Para tanto, o estudante deve protocolar seu pedido através da Plataforma Carolina Bori, que é um sistema informatizado criado pelo Ministério da Educação (MEC) para gestão e controle de processos de Revalidação e Reconhecimento de diplomas estrangeiros no Brasil.

O reconhecimento no Brasil de diplomas de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado), expedidos por estabelecimentos estrangeiros de ensino superior é regido pela Portaria Normativa do MEC nº 22, de 13 de dezembro de 2016.


Mais informações

Envie mensagem para liegs.ccsa@ufca.edu.br. 

Ligue para (88) 98106.0307 – Prof. Dr. Jeová Torres


Realização

LogoISCSP
Logo&NomeUFCAVerticalCor Logomarca_LIEGS

Apoio

LogoPMJNBrasão LogoPMJN
TRANSPARENTE
LogoALCE

Universidade do Parlamento Cearense – UNIPACE

css.php